Buscar

20 novos serviços em uma semana!

Atualizado: 15 de Dez de 2017



Certa vez fui almoçar num restaurante comemorando o aniversário de um familiar. Após nos deliciarmos com alguns pratos quentes, o garçom se aproximou e perguntou: “O Sr. deseja sobremesa? Não pensei duas vezes e respondo com convicção que sim! Então, ele gentilmente me explicou sobre as 3 opções do dia: pudim, mousse de maracujá ou pérolas de tapioca mergulhadas em cabernet sauvignon.


Pensei: “eu gosto muito de pudim, mas essas pérolas no cabernet auvignon deve ser algo de outro mundo”. Quando chegou a sobremesa, a surpresa (para minha tristeza): troquei o pudim por, nada mais, nada menos, que sagu (e quase sem creme de leite). Compartilhei com você essa história, por que, embora engraçada, nos demonstra um princípio básico de marketing: a comunicação certa faz até você trocar um pudim por um sagu!


E você? Tem oferecido “sagu” ou “pérolas de tapioca mergulhadas no cabernet sauvignon”?


Se eu pegar sua lista de serviços agora, vou encontrar os mesmos nomes de serviços que vários concorrentes ao seu redor também praticam?

Se você oferece um serviço que só tem no seu salão, você pode cobrar o preço que quiser. Pois não haverá referência para comparação. Por exemplo, “Hidratação” é um serviço que todo mundo faz. Portanto, é comum, ficando o preço como possível fator de decisão na hora que a cliente escolher em qual salão fará esse procedimento. Transforme seus serviços em diamantes, que são raros, poucos oferecem e, por isso, tem valor (então as pessoas pagam o preço!)

1 visualização